sábado, 15 de abril de 2017

Através das Lentes: Morretes

     Esses dias, mais especificamente mês passado, tive a oportunidade de registrar um momento lindo e inesquecível na vida de um casal: a gravidez. Por indicação de uma querida amiga, a Isadora e o Thiago me encontraram e conversamos para falar mais sobre os detalhes de como funcionaria a sessão fotográfica. O local escolhido foi Morretes, cidade próxima a Curitiba e com um charme todo especial que tentamos todos capturar durante as fotos: dezenas de portas e janelas de diferentes tipos e cantinhos inexplorados da cidade. Senti que o Sol estava a nosso favor e tivemos a oportunidade de fazer um pequeno turismo como pessoas em dia de folga e visitar o lado histórico da cidade, almoçar comidas deliciosas, além de tirar fotos em um curioso barco que convenientemente passava pelo rio à nossa frente. 
     Resumindo, nem senti como se estivesse trabalhando. Se antes desse dia eu havia deixando a minha câmera empoeirando no fundo do armário, hoje posso dizer que é incrível como uma pequena viagem já nos trás de volta toda a inspiração que deixamos de cultivar em dias comuns. Como sempre, as fotos podem ser vistas logo abaixo no post. Espero que possam absorver um pouco a atmosfera do belo dia que tivemos por essa cidadezinha! 




sexta-feira, 10 de fevereiro de 2017

Diário de Viagem: Apiaí

























     Após um ano sofrido e monótono como 2016 foi para muitos de nós, 2017 me chegou para quebrar esse estigma com a oportunidade de viajar para a não tão pequena e charmosa cidade de Apiaí, perdida no interior de São Paulo e conhecida por suas estradas semelhantes ao rastro de uma cobra. O trecho Curitiba - Apiaí me lembrou especialmente disso e posso dizer que da próxima vez que visitar a cidade levarei remédios de enjoo com fácil acesso.
     Visitei o lugar por alguns dias acompanhada da Monize, blogueira do Corujas + Livros e nos hospedando na casa de uma amiga na cidade, embora possam ser encontrados hotéis e pousadas espalhadas pelo centro. Posso dizer que nos surpreendemos com o que a pacata região tinha a nos oferecer, superando nossas expectativas da pequena cidade do artesanato. Além de estradas sinuosas, a mesma possui muitas ruas elevadas graças à geografia serrana e os arredores ainda contam com o Morro do Ouro, que como o nome já diz foi uma área de caça ao ouro e possue trilhas que mostram pedacinhos da história com os túneis de mineração e um mirante para apreciar a bela vista de cima.
     Vinte kilômetros à frente encontra-se também o PETAR, parque nacional repleto de cavernas e cachoeiras que podem ser acessados com acompanhamento de um guia turístico. Esta segunda opção estava em nossos planos até voltarmos de nossa subida da trilha e descobrirmos o quão sedentárias nos tornamos ao longo da vida, porém logo pretendemos voltar para terminar nosso passeio pelo parque para analisar estalactites, sentir morcegos invadindo nosso espaço pessoal e pular em algumas cachoeiras quando o tempo nos deixar, o que espero que seja logo.
     As fotos desta curta, porém incrível, viagem podem ser vistas abaixo assim como algumas outras podem ser encontradas em meu Instagram. Aproveitem a vista!






quinta-feira, 9 de julho de 2015

Indicação: Lumberjanes (HQ)

      Hoje resolvi sair um pouco da temática usual do blog para falar de um hobbie que tenho atiçado ultimamente pela aparente falta de afazeres: adentrei o mundo das Histórias em Quadrinhos e não pretendo sair tão cedo. Embora muitos pensem que HQs são compostas basicamente por histórias de super-heróis da Marvel e da DC, assim como eu pensava, as premissas vão muito além disso. Como uma leitora em crise por não seguir em frente com seus diversos livros na estante, a opção que encontrei para saciar minha fome acabou sendo uma agradável surpresa.
     Lumberjanes nos conta a história de um grupo de escoteiras com o dom peculiar de atrair seres sobrenaturais, onde cada capítulo que se passa ocorrem novos casos curiosos e inexplicáveis. Mas não se engane, o clima é bem descontraído e é uma leitura recomendada para crianças! Os traços e a paleta de cores deixam as páginas adoravelmente enfeitadas te deixando admirar as imagens por um bom tempo, enquanto as ações rápidas e falas bem-humoradas fluem com a história e te fazem acabar de ler em um piscar de olhos.
     Ainda por cima, recentemente a 20th Century Fox revelou que irá produzir um filme live-action baseada na história e já até contém um roteiro pronto. Aguardo ansiosamente para ver como eles se saem com a adaptação.


     É possível encontrar os capítulos individuais em versão digitalizada pela internet afora ou em versão impressa em sites de compras como a Amazon, caso preferir. Caso você escolha a versão digital por mais comodidade, assim como eu, pode encontrá-los para download em sites como Comix4Free ou por torrents. O formato específico de quadrinhos (.cbr, .cbz) costuma ser aberto por programas especiais e dentre todas as opções existentes o meu favorito é o ComicRack, que por sua vez age como uma biblioteca que organiza todos os quadrinhos no seu computador de forma super personalizável.
     Como nenhuma editora brasileira adotou o título ainda, a leitura só é possível em inglês a nível intermediário, sendo mais um motivo para começar a ler e afinar seus dotes com a língua mais popular do mundo!  

sexta-feira, 26 de junho de 2015

Diário de viagem: Toronto

     Começo por dizer que minha procrastinação chegou a tamanho ponto que levei quase 2 anos para finalmente comentar a minha última parte da viagem feita em 2013. Acho que alcancei o ápice da coisa e já posso ser nomeada rainha. Grande parte dessa influência é aquele sentimento sempre presente de "será que estou fazendo o melhor que eu posso?" em absolutamente todos os meus posts, o que, como pode ser comprovado, me deixa inapta a postar algo com o que não estou totalmente satisfeita. Por mais um momento de coragem, cá estou novamente.
     Nessa terceira e última parte sobre a minha jornada para o Canadá, contarei um pouco mais da minha experiência na cidade mais populosa do país. Para começar, cheguei em Toronto com expectativas relativamente baixas da cidade, com um pensamento de simplesmente "Argh, cidade grande, não deve ter nada de bom aqui." e nas primeiras 4 horas que passei lá esse mesmo pensamento não me fugiu da cabeça, até eu finalmente embarcar em um trem para Ottawa.
     Depois do acampamento de 10 dias, eu mal podia esperar por uma cama, um chuveiro com água quente e uma alimentação que não fosse baseada em sanduíches. Nos hospedamos em um hostel para jovens por 5 dias consecutivos e o ambiente era simplesmente demais! Eles nos ofereciam uma refeição diária gratuita, tours pela cidade, bicicletas para alugar, atividades externas e internas programadas semanalmente e muitas outras acomodações que me fariam hospedar lá novamente sem pensar duas vezes!
     Durante nossos dias turistando por essa cidade, reparei como a conciliação entre natureza e obras humanas é vísivel e apaixonante. O tempo estava deliciosamente fresco para caminhadas e as vistas eram de tirar o fôlego. As pessoas são acolhedoras com os turistas. São tantas coisas boas que eu posso citar que poderia levar um post mais longo do que já está sendo...
     Alguns pontos turísticos que visitamos são citados abaixo, sem uma ordem específica de qualidade :)


sexta-feira, 9 de janeiro de 2015

#6 on 6: Um novo ciclo

     O mundo dá voltas. Eu, uma das pessoas que mais discute o desgosto por fotos em cortes verticais acabo trazendo 2/3 das minhas fotos de férias neste estilo. A mente humana realmente é uma neblina repleta do desconhecido, nunca sabemos o que encontraremos a frente: eu, por acaso, esbarrei na contradição. Em uma luta interna, ganho uma batalha mas perco a guerra - parafraseando Kings of Convenience.
     As fotos deste mês não estão necessariamente em ordem dos acontecimentos, apenas na ordem que mais me agradou esteticamente. O tema, por sua vez, foi de férias e essas são as fotos capturei durante dois dias muito bem aproveitados na praia de Matinhos! :}





Espero que vocês embelezem o dia de vocês com as fotos do outros participantes deste projeto de longa data. Estes são os incríveis participantes: